Inscrições no ISEL…

Sexta-feira passada, antes de ir para a Festa do Caloiro na FCT fui ver se me inscrevia no ISEl…

Saí do escritório eram 17 horas, cheguei ao ISEL às 18 horas ( sim meus amigos, uma hora para atravessar Lisboa, ainda não descobri o melhor caminho )..

Cheguei lá, toca de ir para a Tesouraria pagar as propinas ( 271.66€ ), Taxa de inscrição ( 40€ ), seguro escolar ( 5€ ) e o “Plano de Prosseguimento de Estudos” ( ou como raio é que aquilo se chamava ) que não sabia o custo…

Cheguei à Tesouraria, as senhoras que lá estavam não encontravam as folhas onde estavam as pessoas que tinham entrado no ISEL por transferência ( comecei a preocupar-me ), passado 5 minutos, e depois de dizer o meu nome 2 vezes, e o curso para qual tinha entrado ( LEIC ) outras tantas, lá me descobriram algures na papelada…

Chego o momento de pagar, a senhora apresenta-me uma conta de 466.66€ ( já nem me lembro se não mandei um valente FDX! em voz alta na altura que ela me disse quanto era, mas acho que foi só mentalmente…), fui a ver, e pelos vistos aquele maravilhoso plano de estudo são apenas 150€…

E perguntam vocês, o que raio é esse “plano de estudos caro como tudo”, pelos vistos eles precisam de ver que cadeiras é que tenho de fazer no ISEL, querem saber a parte estranha, e que me fez confusão à brava? Eu para entrar no ISEL, tive que levar na altura da inscrição para os concursos de transferência, todos os planos curriculares das cadeiras que tinha feito…e o que é que eles fizeram? Viram as cadeiras que tinha feito, compararam-nas com as que existem no ISEL, fizeram as equivalências, e somaram os ECTS….e assim fiquei na 5º e última vaga que existia para LEIC..

Ora vamos lá a ver, se eles já fizeram isto tudo, porque é que raio é que eu preciso de pagar 150€, para eles fazerem esta bodega outra vez? Fizeram-no mal à primeira foi?

Saí da Tesouraria eram 18:30 sensivelmente..

Toca de ir para a secretaria, fila do demo, mas pronto o que tem de ser tem muita força..

Chegou a minha vez, sentei-me na cadeira, apresentei os documentos, apresentei-lhe o papel do “plano de estudos caro como tudo”, e ela vira-se para mim e diz…daqui a 30/45 dias, vem cá, que já temos o seu “plano de estudos caro como tudo” pronto…e eu, WTF? E o que é que faço entretanto? Vai um mês e meio de aulas para o galheiro?

Não, diz-me ela, faça assim, vá ao departamento e fale com alguém de lá, e diga que veio de transferência e que está à espera do “plano de estudos caro à brava” que alguém lhe há-de dizer que aulas é que pode assistir…

Primeira coisa que meio à cabeça…estou fodi**…se nem os gajos da secretaria sabem muito bem como é que isto funciona, como é que eu hei-de saber…

Depois desta palhaçada, vira-se para mim e diz, “Para tratar do cartão de estudante, tem que ir até à CGD”, eu claro que respondi, tudo bem, vou lá agora…e ela retorquiu, agora a CGD já está fechada…

E pergunto logo, então qual é o horário da CGD aqui no Campus do ISEL? Não sabia, mas era entre as 9 da manhã até às 15 ou 16 horas..e eu perguntei-lhe, então como é que eu posso vir cá tratar do cartão de estudante se trabalho o dia todo? Ela limitou-se a encolher os ombros…

Saí da secretaria eram umas 19:15 mais coisa menos coisa…

Só tenho uma coisa a dizer…espectáculo de faculdade! Mais desorganização que isto é impossível…para além de serem chulos como tudo…ou então sou eu que estou mal habituado ( o que é possível.. )…

O ISEL o ano passado ( pelo que percebi ), implementaram um sistema inovador ( …. ), desenvolveram uma plataforma chamada Projecto eISEL, citando da página deles:

Um dos objectivos do projecto eISEL consiste na adopção de um método único de autenticação para aceder a vários serviços disponibilizados pelo ISEL, o eID.

Com o seu eID consegue aceder a:

  • Webmail (novos alunos 2008/2009)
  • Temos 3 serviços diferentes onde podemos aceder usando apenas um login ( boa ideia realmente).

    O Portal de Apoio ao Utilizador é onde gere esse tal de eID, o que é curioso é que não dá sequer para alterar o nome e morada que está no sistema! E isto deve ser à conta de um erro qualquer que deve estar a dar ni script, visto que nem aparece a caixa do telefone:

    Isel - Script de alteração de dados

    Isel - Script de alteração de dados

    E sim não tenho nome, e a morada não dá para alterar…

    Quando entramos no sistema a 1º vez, temos que alterar a password, alterei a password, e quando fiz submit do formulário, deu uma carrada de notices ( notices, são erros não críticos que aparecem nas páginas desenvolvidas em PHP ).

    Como já sabem andei 3 anos a programar em PHP, e uma das primeiras coisas que se aprende é nunca mostrar os erros ( críticos ou não ) no servidor de produção, o que me leva a questionar a capacidade dos programadores que desenvolveram o sistema… ( peço já desculpa se estou a ofender alguém…mas estas coisas não consigo compreender… ), se forem como estou a pensar, espero que não tenham tirado o curso no ISEL…

    O Portal Académico, não faço a mínima ideia de como funciona, visto que não tenho acesso a ele, pelos vistos só a partir de Outubro é que vou ter acesso…sei lá eu porquê…

    O webmail, é a única coisa que não tenho queixa, além da pequena questão de não usar o eID, o que é estranho visto o projecto eISEL, ser para isso mesmo…mas pronto…

    Para aqueles que andam na FCT, e que se queixaram do CLIP quando ele entrou em funcionamento há 2 ou 3 anos ( e eu fui um deles, sempre o achei pouco intuitivo.. ) …ó meus amigos, pode ser feio à brava…mas é uma maravilha…trabalha que é um espectáculo…

    Também tem que se dar o desconto visto que são “novos” a desenvolver uma coisa destas, e não sabem muito bem com o que contar…

    Já tenho saudades da FCT..

    Que ninguém me leve a mal, sempre ouvi dizer bem do ISEL, mas após 7 anos de estudo ( estudo é como que diz cof cof.. ) na FCT, se calhar fiquei mal habituado, é que a FCT tem alguns problemas, uns mais graves que outros…mas nunca jamais em tempo algum, ouvi falar em coisas como estas…acho que só estragam o bom nome do ISEL…

    Para finalizar:

    Que saudades de ir todos os dias para o “Sol da Caparica”…

    Um bem haja a todos…

    16 thoughts on “Inscrições no ISEL…

    1. Enfim…aluno de primeiro ano e tive logo 10 horas para me inscrever. Além do espaço enorme que existe na tesouraria, que eu tava a ver que era abafado lá LOL bem vindo ao ISEL, como eu :P

    2. Deixa lá…
      Eu estava no isel, fiz a passagem para bolonha e o devido plano de estudos na altura… prescrevi, e quando me volto a inscrever toca de pagar os 150€…

      Devem ter deitado os papeis dos alunos que prescreveram pro lixo… que conveniente.

      Sem comentários mesmo…

    3. Quem entra para o ISEL para fazer LEIC está tramado, especialmente se trabalhar, giro como eles estão se pouco cagando para o facto de um estudante trabalhar ou não.
      Se acabam de entrar preparem-se para muita dor de cabeça é uma boa universidade quando toca a ensinar agora no resto…..

    4. Boas..

      Dores de cabeça não duvido que vou ter, aliás, tenho uma colega de trabalho que já acabou o bacharel, mas ainda não o tem, porque um dos prof’s ainda não lhe lançou a nota…ora isto foi há um ano atrás ( senão estou em erro, se estiver foi há mais tempo )..

      Enfim…o que é que se pode fazer?

      Acho que o maior problema das universidades é a burocracia, um gajo para fazer alguma tem de passar por 50 pessoas…e aí não admira que haja atrasos e demoras..

      Para além de que há sempre maus profissionais…

      Um bem haja a todos…

    5. Boas amigo

      Vim parar a esta página devido ao facto de estar a encetar esforços para pedir transferência do ISEL para o ISEC (Coimbra) no curso LEIC.

      Só espero que não me aconteça em Coimbra o mesmo que lhe aconteceu a si, 150€ para equivalências? Fonix!

      Já agora é facil obter-se transferência de fac? Tenho 3 anos de ISEL com 7 cadeiras feitas com a media de 12,57 (trabalhar e estudar é complicado), acha que consigo a transferencia?

      Abraço

      Obg pela atenção desde já

      Carlos Gouveia

    6. Boas…

      Em relação aos custos, isso depende…não faço a mínima ideia de como é que eles lá fazem…mas esperemos que não..

      Para fazer a mudança para o ISEL o critério era o número de créditos feitos. Segundo o PDF que eles têm lá no site do ISEl: “Maior valor do somatório de créditos ECTS,
      obrigatórios, creditados nas áreas científicas disciplinares do curso e dos quais o
      candidato fica dispensado da sua obtenção.”

      Em Coimbra não sei como é, é uma questão de veres se eles têm para lá algum PDF que explique as regras da transferência.

      Eu mudei para o ISEl tinha 17/18 cadeiras feitas ( 3 físicas, 2 matemáticas ) e o resto eram cadeiras relacionadas com programação do curso de electrotécnica/informática.. e foi por pouco que consegui entrar fiquei em último nas vagas que existam ( já não me lembro quantas eram )…

      Mas cada caso é um caso, no teu caso, até pode ser que as cadeiras batam todas certinhas com as deles e te dêem todas, isto se for igual ao ISEl os critérios da candidatura..

      Espero ter ajudado…abraço

      Espero que corra tudo bem lá por Coimbra..

      Um bem haja a todos..

    7. Em Coimbra o critério é quem tem maior valor de C na seguinte equação:

      C = (D x M x N) / (T x A)

      D número de disciplinas/unidades curriculares do
      M média aritmética, na escala de 0 – 20, arredondada
      às unidades, das classificações obtidas nas disciplinas
      / unidades curriculares do curso concluídas.
      N número de anos do curso.
      T número total de disciplinas/unidades curriculares
      do curso.
      A número de anos lectivos em que o candidato esteve
      inscrito no curso.

      Segundo o que dizes o critério é bem diferente de uma fac. para a outra.

      Abraço colega Iseliano

    8. ola

      Junta te ao grupo, porque estou exactamente na mesma situaçao que tu. Tirando que estou em LEQB. nao tenho plano de estudos e no meu caso nem os professores me sabem dizer que equivalencias tenho :S…
      ando a perder tempo em algumas para nada…

      boa sorte para o teu caso.

    9. Boas, creio que isto já se passou a um bom tempo, mas lembras-te se pagas-te algum montante por cada equivalência?

      Obrigado.

    10. também fui vitima desse famoso “kit” do caloiro extremamente útil.. quando fui compra-lo pensei que fosse mesmo obrigatório ter esse kit e quando me informei sobre isso ainda me disseram que fazia parte da inscrição de um aluno do Isel.. granda intrujanço..

    11. Eu gostava de ter o contacto de alguem do isel para tirar algumas duvidas, pois eu quero pedir a transferencia para la e nao sei os custos, os criterios em que se baseiam etc, porque na secretaria tambem nao dao essas respostas.

      • Boas..

        O pessoal da secretaria quase de certeza que te tira todas as dúvidas sobre as transferências e afins, e na página do ISEL também tens lá várias informações, aonde já não sei, mas tens lá isso..

        Convém também é claro que faças alguma pesquisa e vejas o que é que à no site..

        De qualquer das maneiras o pessoal da associação de estudantes também é capaz de dar uma ajuda no que for preciso ( calculo eu )..

    Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *

    You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>