Transparência…

Estava a ler uns quantos dos meus blog’s favoritos e dou com isto: The See-Through CEO, é um artigo relativamente antigo…é de Março de 2007…

Para quem não tiver pachorra para ler o artigo todo, vou deixar aqui a ideia geral.

A ideia geral, consiste em expor uma empresa ao mundo, o bom, o médio e o mau…principalmente o mau…ou seja admitir os seus próprios erros e desta maneira corrigir-se a si própria…não é fechando a 7 chaves o que de mau se passa na empresa….

Eles dão um exemplo, o que não era preciso visto que o que não falta para aí são exemplos de empresas transparentes ( Google só para dizer a maior, e pelos vistos a Microsoft também está a entrar na onda ).

Basicamente era uma imobiliária que estava às portas da morte. Isto porque tomou uma decisão que não foi muito famosa entre os vários vendedores que começaram a não querer vender através do serviço deles…

Então o CEO, decidiu fazer um blog, onde expunha tudo e mais alguma coisa sobre a empresa, sobre algumas das decisões que tomou, e sobre o mercado imobiliário, e por aí adiante…e o que é que aconteceu? As pessoas uniram-se, revoltaram-se e fizeram com que a empresa saísse do caos em que se encontrava…

O que é que dizem disto?

Claro que não se pede, para expor o novo produto que a empresa está a pensar lançar dentro de 6 meses…isto como é lógico é a “morte do artista”, mas pode-se largar uma ideia ou outra de vez em quando, para ver se pega e se há feedback positivo…

Tomando o meu caso como exemplo, e se um dos CEO’s da empresa em vez de me ligar, tivesse postado um comentário aqui no blog, ou a empresa tivesse um blog dela própria, onde explicasse tudo isto ao pormenor, e imaginem, admitissem o erro e o tentassem corrigir…quem é que ganhava com isto?

- A empresa, porque crescia em mentalidade…

- Os colaboradores, porque viam que existe um verdadeiro interesse em discutir o que de mal se passa na empresa, e só o discutir já é meio caminho andado…o que ajuda imenso à motivação do colaborador…

- Os clientes, porque viam que a empresa quer evoluir, para melhor pois claro, o que se torna numa mais valia…

Digam lá que isto não valia a pena em montes de empresas em Portugal?

Um bem haja a todos…

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>