Resoluções de Ano Novo!

À semelhança do ano passado, este ano também vou entrar na brincadeira das resoluções do novo ano..

Mas primeiro que tudo, um bom ano para todos! ( É tarde, mas mais vale tarde que nunca… )

Vamos lá a ver quais é que são as resoluções que eu tinha definido para o ano de 2008, e ver se alguma se concretizou ou se nem por isso:

Citando-me:

  1. Pensar a sério que tenho de deixar de fumar ( Atenção que eu só disse pensar ).=> Não pensei nisto, quer dizer, pensei para aí duas ou 3 vezes.
  2. Ter mais sexo, ou pelo menos variar um pouco ( Ou seja trocar de mão ). => Tudo na mesma, nem de mão troquei..
  3. Deixar de arranjar desculpas parvas para não convidar a tal tipa, para ir beber um café ( Esta influencia directamente o ponto anterior…acho eu ). => Não cheguei a convidar, e entretanto arranjou namorado..
  4. Fazer Álgebra! ( Há 7º é de vez…pelo menos é o que se diz ). => Não fiz, e com a mudança para o ISEL upa upa…ainda pior…
  5. Perder um pouco de peso ( Sim apenas um pouco porque a almofada do amor está cá bem ). => Acho que ganhei em vez de o perder..
  6. Pagar o resto do carro à velha até ao final do ano. ( O que é capaz de ser bem difícil, mas não há-de ser nada..passo fome o que ajuda o ponto 5 ) => Não consegui como é lógico, mas ainda consegui arrecadar uns trocos jeitosos..
  7. Arranjar paciência para aturar o meu chefe num dos seus dias maus. ( Que até são alguns, mas ele até é um tipo porreiro.. )=> Consegui, despedi-me e problema resolvido! Nunca mais me chateou a cabeça..
  8. Arranjar paciência, para quando vejo código mal feito pelos meus colegas não mandar um alto $(!#”$ e mais uns quantos #(&%#”! ( Principalmente porque toda a gente que passa ao pé do escritório, consegue ouvir o que digo! ). => Consegui também, o código do pessoal com quem trabalho é realmente espectacular…sinto-me mesmo bem..
  9. Gerir sozinho pelo menos 2 ou 3 projectos ( De pequena ou grande envergadura…tanto me faz, quero é gerir projectos ).=> Não consegui, porque me despedi, mas mesmo que não me tivesse despedido isso também não ia acontecer…grrr…
  10. Ir a um concerto da Regina Specktor de preferência em Portugal e pedi-la em casamento ( O problema é se ela diz que sim… ).=> Não fui, porque ela não veio a Portugal
  11. Implementar dois ou três projectos que tenho em mente e que são Top Secret como é lógico ( Ainda aparece para aí um tipo qualquer a roubar-me as ideias.. ).=> A única coisa que consegui foi por o blog, aqui neste belo estaminé…de resto mais nada..
  12. Arranjar tempo para escrever no meu outro blog ( Coisas de jeito e com interesse.. ). => Não consegui, não tive nem tempo nem pachorra..
  13. Arranjar paciência para aturar o pessoal do curso novo ( Santa pachorra ).=> Consegui, mudei de faculdade, e ainda não conheci os meus colegas novos, sou um espertalhão digam lá..
  14. Quando estiver com um casal amigo. Não pensar: “Este gajo tem mesmo ar de parvo!” repetidamente.=>Não consegui..sempre que o vejo, penso sempre a mesma coisa, que ar de parvo que tu tens, o que vale é que não os vejo muitas vezes por ano.
  15. E aquelas tretas todas da paz, amor e felicidade para todos e para o mundo ( E desejo sinceramente muita PAZ aos meus amigos e amigas. PAZ à pazada para todos! ).=>Consegui….mas também esta não era muito díficil…

E agora as resoluções para este novo ano…não sei é se vou conseguir as 15 outra vez..mas já se vê…

  1. Pensar no deixar de fumar..
  2. Ter mais sexo, ou pelo menos variar um pouco ( ou seja trocar de mão )..
  3. Ir almoçar com certa pessoa, que já está prometido para aí desde Setembro, e nunca mais lá vou. É já este mês, eu juro!
  4. Fazer álgebra, há 8º é de vez? Não sei não..
  5. Começar a gerir um projecto ou outro, e quem sabe, vamos ser doidos, lidar com um cliente ou dois..
  6. Continuar com o freelancing, cada vez mais à séria…
  7. Ir ao concerto da Regina e pedi-la em casamento ( esta nunca vai sair daqui.. )..
  8. Paz e amor no mundo e essas coisas todas bonitinhas..
  9. Criar um novo blog, só virado para o desenvolvimento Web ( vamos ver se tenho tempo e paciência )…
  10. Deixar de olhar para certa rapariga lá no escritório, que já me está a dar a volta à cabeça e não pode ser.. ( é tipo daquelas paixões à puto )…
  11. Deixar de olhar para outra rapariga lá no escritório, quando ela se põe em poses menos “discretas” ( se é que lhe posso chamar assim ), quase me salta o coração pela boca..( acho que nunca me vou habituar a isto..), ou então sou é tarado…o que pode ser..

Como podem ver, aqui mantém-se as resoluções cruciais ( 1º, 2º e a 7º ), estas são as mais importantes..

Um bem haja a todos…e um bom ano ( tardio mas é de boa vontade )

PS: Uma coisa muito estranha, mas nestes últimos 3 dias, tenho andado com uma vontade insaciável de comer laranjas…será que estou grávido? ( Mais uma dúvida para a Revista Maria )

9 thoughts on “Resoluções de Ano Novo!

  1. Fnhédasse pá!!! É que nem acredito…

    Não me digas que finalmente me vens pagar o prometido almoço!!!…

    eheheheheh

    P.S.: Ó Gaijo… Deixa lá de olhar para a gaija das fotocópias… Ou isso, ou então vai lá ‘desencravar-lhe’ a máquina enquanto ela a está a usar!!! Se for preciso ajuda, avisa… :P

  2. Boas..

    Eu pagar almoços? Não me lembro nada dessa conversa…

    Eu bem que ia lá desencravar-lhe a máquina, ai ia ia…é que era cá um encravanço ( perdão desencravanço ) upa upa..

    Um bem haja a todos…

  3. Porra… parti-me a rir com estas tuas postas de pescada!!! ahahaahahahahah
    Então é por isso que não queres que, por uma vez que seja, eu vá almoçar com o pessoal aí da empresa né?!? É para eu não ter também a sensação de me saltar o coração pela boca ou quê?? É porreiro tu, sempre a pensar na saúde dos amigos… :P bah!

    Maricón, ao menos se não “(des)encravas”, partilha! Só com os olhos, não te alimentas!!! hehehe ;)

    Abração

  4. Boas..

    Vês como eu sou amigo…ainda te dá uma coisinha má no coração..depois sentia-me culpado até ao final dos meus dias…já viste era uma desgraça :P

    Um bem haja a todos…

  5. ou seja, resumindo e concluindo: tudo aquilo que não és capaz de fazer e te frusta, em vez de solucionares, trocas…

    … de emprego, de chefe, de curso…

    Parece-me que o problema é mesmo falta de SEXO.
    Dizem que Sexo emagrece. E resolvias 2 problemas.

    eheheh

    saudações

  6. @Patinhas: Com um chefe daqueles e um emprego onde não era reconhecido, acho que é perfeitamente natural mudar. Em relação a “…tudo aquilo que não és capaz de fazer e te frustra…” chego à única conclusão que ou não conheces o Tio, ou és parvo.

    Falando um pouco mais da empresa, a certa altura “deram-lhe”, deram-lhe “deu” visto que tiveram de ser devolvidos (nunca vi nada assim) no momento em que saiu, 2% de cota como sócio contudo nunca viu retorno desses 2% em termos de ordenado. Aparentemente os 2% foram utilizados para apostar na empresa, mesmo sem lhe terem perguntado.

    Pergunto-te apenas, ficarias numa empresa assim ? Eu não ficaria de certeza…

    Relativamente ao curso, não conheço muita gente que tenha tirado um curso ao mesmo tempo em que trabalhava em full-time, que apesar de reconhecerem que estava a tirar um curso não lhe davam os benefícios que um trabalhador estudante tem direito.

  7. Eh lá…agora deu-te a panca…até parece…será que me conheces mesmo? Não sabes que sou teimoso como tudo? Ou vai ou racha..

    A mudança de trabalho, foi pelas razões explicadas…e para isso não acontecer era muito difícil… era preciso mudar muita coisa na “CommQuack”…

    O curso, como disse algures, não foi por estar frustado ou por o não conseguir fazer, foi mesmo por querer ter formação na área em que trabalho, há coisas que vou aprender em LEI, que nunca iria aprender em Electro e vice-versa..mas acho que o que aprendi em Electro ( companheirismo, amizade, ajudar o próximo, o desenrascanço ) me vão acompanhar sempre…

    E sem dúvida nenhuma, um dos muitos dos meus problemas é mesmo falta de sexo…não tenhas dúvidas..

    Um bem haja a todos…

  8. Eh pá, eu de vez em quando atraso-me aqui no blog, mas quem é este Patinhas, será o alter-ego do próprio Tio?

    Eu acho que, se é para trocar para melhor, troquemos sempre (e, sim, trocar aquele chefe, era difícil ser pra pior, heheheh – boa pessoa mas péssimo chefe), para quê ficar a bater na mesma tecla quando já vimos que dali não sai música?

    Eu estou a ver é o caso do curso muito bicudo, mas isso já estava no outro, é como o PMR diz, é muito, muito difícil tirar um curso superior enquanto se trabalha a tempo inteiro (mesmo que o teu trabalho fosse das 9 às 6 atrás de um balcão)…
    E eu às tantas tenho as minhas dúvidas se é de insistir nisso. São poucas as empresas que funcionam como a ComQuack (ou lá como se chama) que valorizam mais uma pessoa ter um canudo (na teoria, porque quando foi para me valorizar a mim, que tenho uma licenciatura de 6 anos com média de 15, toma lá 700 euros, enfim… adiante) do que perceber do que faz, vestir a camisola, ser trabalhador e competente como eu sei que tu és.

  9. Eu também sou da mesma opinião, mas há gente que não pensa assim..que o canudo é que interessa etc etc…

    O canudo dá-te algumas coisas, boas até..mas acho que na realidade maior parte das pequenas/médias empresas não querem saber se têm lá um engenheiro ou não..querem é alguém que lute pela empresa como se fosse dessa pessoa.. (mas isto é só minha opinião ).

    Um bem haja a todos..

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>