A bela e o Paparazzo

Verdade seja dita, não dou muito pelas produções portuguesas, como já se viu em posts anteriores..

Mas no outro dia vi este filme, primeiro vi apenas um trecho A Bela e o Paparazzoporque era de madrugada ( 8:00 da manhã ) e estava a despachar-me para ir trabalhar.. e até o achei minimamente curioso, e pensei que o deveria ver.. os dias foram passando e no outro dia quando me deitei lá estava ele a começar, nem foi tarde nem cedo, fique acordado para o ver todo..

Resultado, não desgostei mesmo nada do filme, não é nenhum “Os Imortais“, que para mim é bem capaz de ser o melhor filme português feito até hoje.. “.. é como nos filmes, são sempre as gajas que lixam tudo..” linha dita pelo Unas que achei fantástica..

Passando à frente, vi o filme e digo-vos já que estava completamente errado, eu explico, eu que pensava que a Soraia Chaves não passava de mais uma cara laroca, uma boa prateleira, um rabo fabulástico, e que tinha feito carreira apenas porque apareceu como veio ao mundo em vários filmes ( pelo menos num deles apareceu )..

Confesso que ainda não vi “O Crime do Padre Amaro“, nem o “Call Girl“, “O Crime do Padre Amaro” vi assim em jeito de “fast forward” à procura das partes mais interessantes… e não desgostei de maneira nenhuma do que vi..

Mas como estava enganado meus amigos, a moça realmente é uma boa actriz ( não estou a dizer que não é uma actriz boa, que isso também é )… ela conseguiu encarnar a personagem na íntegra em tudo o que fez..

O filme não é assim nada do outro mundo diga-se de passagem, é uma comédia romântica igual a tantas outras, rapaz conhece rapariga, rapaz tem um segredo, rapaz envolve-se com a rapariga, rapaz tenta contar o segredo à rapariga mas não consegue, rapaz finalmente conta o segredo, rapariga fica fula com o rapaz, finalmente fazem as pazes e vivem felizes para sempre.. igual a todos os outros..

O que mais me espantou neste filme foi a capacidade da Soraia de representar, nunca pensei que tal coisa pudesse vir dela, fico feliz, ela está definitivamente no bom caminho..

Uma coisa que não gostei no filme foi o papel do Markl, coisa tão sem sal.. a única coisa que ele acrescentou de valor ao filme foi a frase: “Os pinguins estão cá até sábado”, contando a história, quando era mais novo passaram uma série de pinguins pelo jardim zoológico, então ele passou uns dias a chatear o pai, para os ir ver, e o pai dizia que os pinguins estão cá até sábado portanto não à pressa. Até que o pai saiu de casa um dia e nunca mais voltou… uma excelente metáfora para não desperdiçarmos a vida.. e agarrarmos o touro pelos cornos ( perdoem-me a metáfora tauromáquica )..

Tendo dito isto, recomendo que vejam o filme.. nem que seja para ver a moçoila jeitosa..

Um bem haja a todos..

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>